Alimentos que ajudam na limpeza intestinal

Manter o intestino livre de toxinas tem sido cada vez  mais difícil nos dias atuais. Isto porque a sociedade desenvolveu muitos hábitos prejudiciais para sua saúde com o passar do tempo e com os hábitos alimentares não tem sido diferente.

Por isso este artigo aborda alguns dos mais importantes alimentos que desempenham o papel de neutralizar tais toxinas e com isso limpar ou desintoxicar nosso organismo. Eles atuam contra diversas doenças, inclusive podem ajudar a prevenir o câncer de cólon intestinal.

Tipos de alimentos que ajudam na limpeza intestinal

No cardápio brasileiro podemos destacar alguns alimento ótimos para tal função e que geralmente são encontrados facilmente no mercado e à preços acessíveis. Veja a seguir uma lista deles:

Alimentos ricos em fibras

AlimentosRicosFibraEste grupo com certeza é muito importante porque é através dele que é feita a limpeza intestinal. Alimentos ricos em fibras também são importantes porque têm a capacidade de reter umidade no cólon do intestino, o que possibilita o escoamento dos resíduos pelo órgão. Possuem ainda uma propriedade que estimula os movimentos peristáuticos, que são contrações musculares responsáveis pela locomoção dos resíduos pelo sistema digestivo. Mas certifique-se de beber água em abundância, pois o aumento do consumo de fibras solicita também um aumento no consumo de líquidos.

As fibras alimentares podem ser classificadas em dois grupos: as fibras solúveis e as insolúveis.

As fibras solúveis têm por meta principal auxiliar na manutenção da flora intestinal produzindo antibióticos para eliminar bactérias nocivas ao nosso organismo e ajudando aquelas que nos beneficiam. Já as fibras insolúveis auxiliam na eliminação dos resíduos no cólon intestinal.

Fazem perte deste grupo a maioria dos vegetais. A cevada e a maçã (com casca) são alguns dos alimentos que possuem fibras, mas são especiais porque ambos contam com fibras solúveis e insolúveis simultâneamente.

Alguns dos detentores das fibras solúveis são o feijão, arroz, ervilhas e os morangos. Já o trigo, arroz integral, centeio, cenoura, beterraba, repolho, nabo e couve-flor são representantes das fibras insolúveis.

Alimentos ricos em clorofila

AlimentosEmagrecerNeste grupo vale generalizar. Quanto mais verde melhor! Alimentos como o alfece, agrião, espinafre e rúcula são seus representantes.

Uma boa opção é preparar os famosos sucos detox ou sucos verdes, como também são conhecidos. Estes sucos são usados como dietas de emagrecimento por desintoxicação, mas também são grandes fontes de clorofila. Veja neste artigo como tomar suco verde para emagrecer e desintoxicar seu corpo.

É importante ressaltar que para preservar os níveis de clorofila nestes alimentos é importante consumí-los crus ou em baixos níveis de cozimento.

Consumo de água

AguaEmagrecerClaro que ela não poderia ficar de fora dessa. O consumo de água regularmente e em períodos determinados tendem a trazer varios benefícios para a pele, intestino e rins. No sistema digestivo ela ajuda a amolecer as fezes e melhorar o trânsito intestinal.

É difícil indicar uma quantidade exata de água para beber diariamente porque isso varia muito com as estações do ano, com a temperatura ambiente e vários outros aspéctos que variam de pessoa para pessoa. Mas é recomendado que se beba bastante. Existem estudos que mostram que os brasileiros não consomem água o suficiente para sua dieta diária, apesar de ser um dos países com maior abundância do líquido.

É importante que se beba a água entre as refeições ou pelo menos 20 minutos antes alguma refeição. Isto faz com que a ingestão de água não dilua o suco digestivo no estômago, melhorando a digestão dos alimentos.

Se consumida corretamente a água pode até comtribuir para o emagrecimento e para a distribuição de massa corporal. Acesse o link para saber o que fazer para emagrecer de forma saudável com a alimentação e vários outros métodos.

Os Problemas Sexuais mais comuns nas Mulheres

Muitas mulheres sofrem de problemas sexuais, os mais comuns são: falta de desejo sexual; anorgasmia (incapacidade de ter orgasmo); dispareunia (dor durante as relações sexuais) e vaginismo (problemas no momento da penetração).

AumentarLibidoMulherProblemas com o desejo sexual feminino costumam acometer entre 15% e 35% das mulheres, diversos fatores podem contribuir para o surgimento desse problema como o uso do anticoncepcional que gera diversas alterações hormonais; período pós-parto; o período da amamentação; menopausa; uso de antidepressivos, entre outros fatores. Há ainda problemas emocionais que podem estar relacionados como falta de comunicação entre o casal, desgaste por situações corriqueiras do dia a dia ou até mesmo alguma situação mais grave que tenha influenciado no grau de sentimento que o casal ou um dos parceiros sentia.

Mulheres que enfrentam a anorgasmia (incapacidade de ter orgasmo), muitas vezes costumam ter algum bloqueio psicológico que precisa ser quebrado, a falta de conhecimento do próprio corpo ou até mesmo a fata de intimidade com o parceiro para conversar sobre o que é mais prazeroso durante as relações sexuais também pode desencadear o problema.

Há também as mulheres que sofrem de vaginsimo, problemas de incapacidade de penetração durante as relações sexuais devido à contração involuntária dos músculos próximos à vagina. A mulher costuma sentir dor, ansiedade e tensão no momento da relação sexual. É importante que as mulheres que sofrem deste mal procurem tratamento ginecológico, costumam ser indicadas terapias de casal para a solução do problema, e sim, vaginismo tem cura.

oleo-de-lecitina-de-sojaMulheres que sofrem de dispareunia (dor durante as relações sexuais) devem procurar imediatamente tratamento ginecológico, a dispareunia pode ser consequência de infecção vaginal, corrimento, algum distúrbio etc.

Há alguns recursos naturais que merecem ser ressaltados como é o caso da planta originária da Ásia, Tribulus Terrestris, que aumenta a libido sexual além de ser reverenciada por estimular a produção de hormônios reprodutores no corpo feminino auxiliando em casos de infertilidade. Assim como o Óleo de Lecitina de Soja.

É importante que acima de tudo, a mulher compreenda que sexo não é um problema, não deve ser uma obrigação, e sim, sinônimo de prazer para ela e para o seu parceiro.

Problemas sexuais têm tratamento, remedios naturais podem auxiliar no processo de cura.

Veja mais em Online Farma: www.onlinefarma.com.br

 

Breast Actives

Breast Actives é o programa natural de crescimento dos seios mais bem avaliado atualmente. Possui a seu favor uma grande campanha de marketing e imensos depoimentos convincentes. No entanto, o que realmente importa é o que está dentro do Breast Actives – os ingredientes de ervas que irão trabalhar para aumentar o tamanho e melhorar a estética e toque dos seus seios. Vamos ver isto com maior profundidade.

Fenacho – Uma planta medicinal dos tempos antigos, o primeiro uso documentado dos poderes do fenacho remontam aos antigos Egípcios. A reputação deste povo em estimular o crescimento dos seios é bem conhecida. De facto, as mulheres harém da Turquia costumavam banhar os seus seios em água de semente de fenugreek para aumentar o tamanho e melhorar a aparência deles.

A planta fenacho contém diosgenina, uma substância semelhante a um esteroide que está envolvida na produção da hormona progesterona. A progesterona ajuda o crescimento dos seios ao desencadear reações parecidas àquelas que acontecem na puberdade nas mulheres.

Funcho – esta erva também foi usada durante séculos para aumentar o tamanho dos seios, melhorar a produção de leite materno e estimular a líbido. Funcho contém fitoestrógenos, que são muito similares biologicamente ao estrogénio que estimula o crescimento dos seios durante a puberdade e gravidez. Um estudo científico mostrou que após 10 dias de consumo de sementes de funcho, o peso do tecido mamário nas ratazanas fêmea aumentou.

Cardo – Esta erva tem sido muito utilizada como um agente de equilíbrio hormonal e um tónico geral para o sistema reprodutor feminino. O cardo também é conhecido pela sua ajuda determinante no processo digestivo. Na verdade, a planta cardo foi aprovada pela Comissão da Alemanha para o tratamento de perda de apetite e indigestão.

Ervanários dos tempos mais antigos também acreditavam que o cardo conseguia uma cura para tudo. Eles observaram que a planta poderia evitar dores de cabeça, ajudar a memória, e fortalecer o coração e o estômago.

Dong Quai – Esta erva relaxante, conhecida como o ginseng feminino, também contém fitoestrógenos, elementos esses que estimulam o crescimento do peito. Devido a ter ginseng na sua composição, também estimula a circulação sanguínea em todo o corpo e no cérebro. Talvez seja por isso que o ginseng tenha uma reputação de aliviar dramáticas oscilações de humor e elevar os espíritos das mulheres.

Pueraria mirifica – Este é o principal ingrediente no creme Breast Actives que você deveria massajar nos seus seios todos os dias. Pueraria Mirifica é uma planta encontrada na Tailândia e Birmânia utilizada pelos indígenas de tribos assentes em colinas. Esta planta contém os compostos miroesterol e deoximiroesterol, que estão documentados como tendo efeitos similares ao estrogénio no organismo, elemento que estimula o crescimento dos seios.

Estes são os ingredientes à base de plantas mais importantes contidos no creme Breast Actives, embora existam outros que também fazem a sua parte para ajudar a aumentar os seus seios.

breastactivesUma das fantásticas curiosidades sobre os remédios de ervas é que eles são holísticos. Por outras palavras, eles curam a pessoa como um todo, e não apenas especificamente partes do corpo. Como você pode ver, muitas das ervas no Breast Actives são boas para todo o seu sistema. Assim, esperamos que, depois de experimentar Breast Actives, não só tenha seios mais firmes e mais cheios, mas também sentir-se mais saudável no geral!

Superando o Estigma dos Seios Grandes

Todos nos somos culpados de ao ver um filme, uma notícia ou um anuncio feito por uma mulher com seios grandes comentar o incompetente que ela é… principalmente se for loura, mesmo que não seja a cor original do seu cabelo.

Na verdade a industria do cinema é prodiga em aproveitar este estigma contra mulheres louras de seios grandes e a frequência dos cada vez mais frequentes ‘ataques’ demonstra um certo aproveitamento deste estigma.

Augmentation-MammaireIsto representa um problema ainda maior para as mulheres que aumentaram os seios com implantes – ou para aquelas que estão apensar faze-lo no futuro. Com cada vez mais ataques deste tipo, que tipo de tolerância existe para o aumento não natural dos senos na nossa sociedade?

No que se refere à sociedade como um todo a cirurgia para aumentar os seios é bem aceite – especialmente para as mulheres que têm os peitos muito pequenos, que estão descaídos ou começam a ficar flácidos. No entanto aquelas que aumentam os seios naturalmente não sofrem tanto com este tipo de estigma.

No entanto para aquelas que o fizeram por simples razões estéticas, ou que ultrapassaram o que seria considerado ‘um tamanho normal’ estão mais suscitáveis de sofrer descriminação.

Como lidar com a descriminação ou certas atitudes?

A melhor maneira de lidar com as pessoas que frequentemente usam este tipo de ataques é ignora-las. É mais fácil dizer do que fazer, no entanto é a melhor abordagem para demostrar a essas pessoas que os seus comentários ‘a não deitam abaixo’.

Afinal de contas aquelas pessoas que gozam com o seu aumento de seios são aquelas que estão invejosas de não terem uns seios do tamanho dos seus, simplesmente porque têm medo da cirurgia ou não têm dinheiro ou coragem para seguirem por uma via natural de aumento de seios.

Como Prevenir a Candidiase Naturalmente

Quer saber como pode prevenir a candidíase naturalmente? Qualquer mulher pode contrair esta doença mas infelizmente a maioria das mulheres tem vergonha de enfrentar este problema e não procuram um medico devido ao embaraço que causa.

Os estudos demonstram que três em cada quatro mulheres acabam por contrair candidíase em algum momento da sua vida, mas independentemente do que isto possa dizer para si a verdade é que você pode prevenir esta infeção. Vamos mostra-lhe três simples passos a seguir. Leia até ao fim pois só assim vai entender como pode prevenir esta infeção usando os métodos naturais a seguir:

1. O que você come conta.

Você pode estar a perguntar-se o que a dieta tem a ver com a candidíase, mas ao entender como certas dietas incentivam a candidíase a proliferar você pode minimizar ou parar a infeção. Certos tipos de alimentos doces ou açucarados ajudam o fungo candida a reproduzir-se, o consumo de muito açúcar cria um desequilíbrio no organismo que ajuda os fungos a proliferarem e a candida gosta de coisas doces, alimenta-se do açúcar. Isto pode explicar a forte incidência da candidíase em pessoas que sofrem com diabetes.

Se você sobre com candidíase e com diabetes ou gosta de alimentos muito doces pode agora entender porque a candidíase está sempre a voltar. Você precisa de diminuir o consumo de açúcar, ou mesmo elimina-lo por completo.

candidiase22. A sua roupa interior conta.

Roupa apertada e que não deixa a pele respirar incentiva o crescimento dos fungos. Os nylons e outras roupas sintéticas nas partes intimas pode agravar substancialmente uma infeção de candidíase.

Usar roupas naturais (de algodão) secas e confortáveis pode ajudar a conter o alastramento da candidíase, porque as roupas sintéticas retêm a humidade e o fungo candida gosta de zonas quentes e húmidas para se desenvolver.

Se você quer controlar esta infeção você precisa de manter o seu corpo limpo e seco, principalmente depois de exercícios ou atividades que provoquem suor. Mantenha as áreas à volta dos genitais, dos seios, braços e barriga limpas e secas.

3. Atenção aos químicos dos perfumes, desodorizantes e produtos de higiene.

Os químicos nos perfumes, nos desodorizantes, toalhitas e alguns produtos de limpeza corporal matam as bactérias benéficas que nos protegem naturalmente contra o desenvolvimento de muitos fungos. Na ausência das bactérias benignas normalmente presentes no nosso corpo e num desequilíbrio das nossas hormonas e nível de PH os nossos corpos tornam-se suscetíveis ao ataque de parasitas.

Usando perfumes ou desodorizantes na zona sexual assim como tampões e certos pensos podem criar um desequilíbrio entre as bactérias boas e más presentes no organismo, principalmente nas partes intimas, pelo que use apenas perfumes e produtos de higiene orgânicos.

Reduzindo toda a informação, ao prestar atenção ao que come, às suas roupas interiores e aos produtos que aplica na sua pele você pode parar a infeção de candidíase ou pelo menos minorar os seus sintomas. Para mais informações visite este website: http://medicinanatural-mn.com/4/